Administrando Stakeholders – a busca do equilíbrio entre namorado e amigas

“Definição: Stakeholder é o termo usado para designar às partes interessadas, ou seja, compreende todos os envolvidos em um processo, que pode ser de caráter temporário (como um projeto) ou duradouro (como o negócio de uma empresa).  O sucesso de qualquer empreendimento depende da participação de suas partes interessadas e por isso é necessário assegurar que suas expectativas e necessidades sejam conhecidas e consideradas pelos gestores. Cada parte representa um determinado tipo de interesse no processo. Para uma existência estável e duradoura deve-se atender simultaneamente às necessidades de todas as suas partes interessadas.”  Fonte: http://pt.wikipedia.org/wiki/Stakeholder ( com adaptações).

Diante disso, ao traçarmos um paralelo com nosso dia a dia, poderíamos associar a vida social a uma organização, os stakeholders ao namorado e aos amigos. Ou melhor, as amigas. Os amigos dificilmente influenciam ou criticam se você passa mais tempo com o seu cônjuge ou com eles. Já as amigas… se elas forem comprometidas, você já tem meio caminho andado. Basta apenas que você promova o encontro entre os respectivos cônjuges. Mas caso elas sejam solteiras, você provavelmente terá sérios problemas.

Assim como na dica presente na definição acima, devemos primeiramente identificar o que cada um dos principais stakeholders esperam de você e em que você poderá atendê-los. Se você tem um namorado que também tem muitos amigos presentes na vida dele, o ideal é conciliar as agendas para, quando você estiver com suas amigas, ele também esteja com os amigos dele. Dessa forma você evita que ele reclame no seu ouvido que tem que acompanhá-la nos programas chatos de mulherzinha, faz uma média com os amigos dele (lembre-se: ao se aliar aos amigos dele você terá poderosos defensores do seu lado) e você ainda se vê livre de ter que agüentar os meninos só falando de futebol e suplementos. E o mais legal: além de tudo isso, certamente você terá um namorado bem mais satisfeito ao lhe encontrar. (dica nº 02 – nunca meça esforços com amigos de infância e videogame, pois você sempre perderá).

A mesma situação se aplica as amigas. Primeramente você deve estabelecer dias limites, ou seja, deixar bem claro que, sexta a noite não é dia de ouvir as lamúrias da sua amiga, e que, se ela estiver muito mal, ela não morrerá por esperar mais doze horinhas para desabafar (marque aquele café da manhã regado a chocolate quente e pãezinhos que será bem mais proveitoso). Da mesma forma, se você elegeu o domingo a tarde como dia oficial das amigas, nada de aceitar ir com ele ao churrasco de aniversário do Serjão da rua. Se antes você falava todos os dias com suas amigas, tente manter o hábito. Se não puder ligar, porque não criar um grupo de e-mails?! Além de ser uma forma de se manter atualizada da vida uma das outras, você irá gerar uma ilusão de presença contínua durante a semana, irá economizar na sua conta de telefone e ainda continuará presente na vida delas.

O erro mais comum de muitas mulheres é abrir totalmente mão da sua vida como um todo e colocar  todo o foco na vida do namorado. Ou seja, ela só sai para aonde o namorado for, os amigos dela são os do namorado, e os programas dela só são definidos após consultar os horários em que o namorado estará ocupado e assim sucessivamente. Isso além de anular completamente as vontades e a rotina da menina, faz com que a rotina do carinha mude totalmente e, com o tempo, ele estará sufocado e não saberá o porque. Buscar o equilíbrio entre as duas partes, além de paz para você, fará com que as pessoas valorizem mais a sua relação, tanto como amiga, quanto como namorada.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s